21 de julho de 2014

Inspiração - Tattoo de gatinho

Creio que a maioria de nós somos apaixonadas por gatinhos, sejam eles felinos ou "aquele" gato, vocês me entendem, não é mesmo? Os gatos são bichinhos super fofos e dengosos, além de companheiros. Tendo em vista que as tattoos de felinos estão sendo muito procuradas, resolvi trazer uma inspiração, para quem assim como eu pretende tatuar um gatinho. São infinitos desenhos, formas, estilos e cores, enfim, gatos de todos os tipos, sei que um deles vai ganhar o seu coração. Então, vamos nos inspirar?




Cada uma mais fofa que a outra, né? Então, teria coragem de tatuar esses lindos felinos? Em qual parte do corpo?

                                    Beijos, Bri 
8 de julho de 2014

Entre Aspas - Saudade até que é bom



Depois que Peninha musicou essa frase e Caetano a popularizou novamente em meados de 2001, ela nunca mais foi a mesma. Pelo menos pra mim. Nem lembro a primeira vez em que fomos apresentados, mas sempre achei a saudade uma coisa ruim, causadora de palpitações, de apertos no peito, amiga da distância, irmã da ausência, sinônimo de falta, de nostalgia... De vazio! Sim, disso tudo aí.

Saudade é uma mochila de cem quilos nas costas do tempo, que não o deixa correr. É avião decolando pra bem longe, levando embora quem não deveria. É partida com volta incerta. É dose dupla no bar da esquina. É doença que se cura somente com o toque da pele, do abraço, do beijo de quem decolou junto com aquele avião. É carta velha com as melhores palavras de amor no fundo da gaveta, é camisa gasta com cheiro de mofo, mas que lembra um velho perfume, é foto antiga carcomida pelo tempo, esse algoz que se encurta quando se está junto e se demora todas as outras vezes.

E vem esse maluco cantar que saudade é bom. Foi quando eu me dei conta do que Peninha queria dizer: você pode evitar a saudade! Sim, pode. E evitar também o prazer do vento batendo no rosto ao descer a ladeira do Pirí-Pirí naquela bicicleta vermelha com pouco freio. Evitar a saudade é não tomar banho de chuva, é evitar almoçar lasanha no domingo com a família toda reunida na casa da avó, que um dia, infelizmente, também vai partir. Evitar a saudade é não viajar com os amigos e deixar de conhecer pessoas que podem lhe fazer dar as melhores gargalhadas da vida. Evitar a saudade é não fazer sexo, e não se apaixonar nunca. É não ter historia para contar, é não viver, é se privar de todos os momentos que podem deixar mais amena a estrada adiante, por puro medo de que eles se tornem apenas lembranças distantes.

A saudade é um carimbo dos bons momentos na memória. E como diria Peninha, "é melhor que caminhar vazio".


                     Texto escrito por João Paulo Medeiros, dono do blog A VOZ DE CG.

                                                                                  Beijos, Bri

                                              
7 de julho de 2014

Inspiração - Looks Copa


Que delicia esse clima de Copa do Mundo, não é mesmo? É tão bom ver todos torcendo e vibrando por uma paixão chamada BRASIL! Acho lindo ver ruas enfeitadas, bandeiras penduradas, rostos pintados e o mais especial de tudo, que apesar dos apesares, de todos os problemas políticos vividos em nosso pais, toda essa vibração está acontecendo nele, por ele.

Mas voltando ao tema desse post, que tal uma inspiração de look para o jogo de amanhã? Vamos conferir?







E aí, nos conte.. Qual o que faz mais o seu estilo?

             Beijos, Bri

3 de julho de 2014

Dica: Tirando mancha de maquiagem


Acho que não sou a única à manchar a roupa com maquiagem, não é mesmo?! Geralmente as peças manchadas são aquelas que eu mal usei e nem sequer estão sujas. Que raiva! A pior situação é quando isso acontece antes de irmos para alguma.. Mas calma, vamos aprender que retirar mancha de maquiagem é mais fácil do que podemos imaginar! 

Mas, como fazer isso? Você vai precisar de um pão francês, APENAS. Basta retirar o miolo do pão e esmagá-lo até que fique como se fosse uma borracha. Daí é só esfregar na mancha para que a maquiagem saia da roupa. Funciona perfeitamente com pó, corretivo, base, batom e sombra. Então, a solução para retirar manchas de maquiagem da roupa pode estar na sua cozinha, e o melhor, sem gastar quase nada! Legal, né?

                                                                       Gostaram? Bri,
27 de junho de 2014

Entre aspas: A gente cresce quebrando a cara


Se para crescer a gente não precisasse errar, talvez eu nunca tivesse acreditado naquela amiga que jurou que não ia me magoar e magoou. Talvez eu não tivesse magoado gente que amava muito, mesmo quando essa não era a intenção. Mas provavelmente, também, eu não teria aprendido a valorizar quem fica, não teria entendido a importância de perdoar as falhas das pessoas e de pensar mil vezes antes de falar algo que pode atingir o outro.

Se para crescer não precisasse doer, talvez eu nunca tivesse conhecido aquele carinha que me tratou como uma qualquer. Talvez nunca tivesse virado noites inteiras chorando amores não correspondidos. Nem feridas que fizeram sem o menor cuidado no meu peito. Mas eu também não teria, finalmente, parado de dar atenção para os mesmos tipinhos de caras errados e começado a prestar atenção naqueles que sempre estiveram aqui para me dar a mão.

Se para amadurecer a gente não precisasse quebrar a cara, talvez eu ainda fosse a menina escandalosa que adorava uma boa briga e que gostava de bater de frente apenas pelo prazer de ganhar – sabe-se lá o quê. Se eu não tivesse caído, se não tivesse levado rasteiras, se não tivesse dado de cara no chão, talvez eu ainda vivesse na minha bolha da adolescência, quando achava que os meus problemas eram os maiores do mundo. E que o mundo, esse malvado, era injusto só comigo.

Se eu tivesse acertado sempre, talvez eu não soubesse da alegria que é a oportunidade de poder se reinventar. Aprender mais. Mudar de opinião, entender os valores das outras pessoas, conhecer outras realidades, perceber que se dói em mim, dói no outro também. Talvez eu nunca tivesse ido, voltado, começado e recomeçado. Talvez eu não tivesse baixado a bola, diminuído o tom, começado a silenciar. Talvez eu nunca tivesse aprendido. Talvez, até, sequer tivesse crescido.

                                                                                       Via: Depois do Quinze
26 de junho de 2014

Tendência: Kimonos

  
Quem está por dentro das últimas tendências já devem ter percebido a aparição dos kimonos, trend mais desejado para a próxima estação. Podem ser usados tanto de dia, quanto à noite. Formam uma sobreposição linda, além disso, dão um toque oriental perfeito.
Kimonos, na tradução, “algo que uma pessoa veste”, são peças tradicionais do vestuário no Japão. Porém, atualmente as fashionistas aderiram, e está virando tendência nas ruas de todo o país. São super versáteis, e dá pra formar looks lindos. 


                Vejamos algumas formas:


♥ Kimono e Jeans - a maneira mais fácil de combiná-lo. Pode ser usado com calças, shorts, ou saias. 



♥ Kimonos e Vestidos - composição simples, mas, perfeita! 




                                      Então, o que acharam? Usariam? Sim ou nao?

                                                                                         Beijos, Bri